Palmas eu gosto de tu

Depois do musical “É só uma poeira no olho”, musical este que retratou de forma fiel o Tocantins, mas mais especificamente a cidade de Palmas, temos agora mais um projeto premiado pela Prefeitura de Palmas, através da Fundação Cultural de Palmas, pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), o filme “Palmas, eu gosto de tu“. O pré-lançamento do filme ocorreu nessa terça 25 de novembro, em um momento especial, a reabertura do Cine Cultura, Sala Sinhozinho no Espaço Cultural.

Como vamos mostrar em um artigo a ser publicado quanto às produções audiovisuais no Tocantins e em Palmas, o filme “Palmas, eu gosto de tu” foi totalmente produzido na cidade. Palmas é muito aberta a estas produções e como foi mostrado magistralmente na película, também possui ótimas locações e cenários de tirar o fôlego.

O filme é uma produção da SuperOito Produções Audiovisuais, empresa palmense que se descreve como “uma produtora de cinema que vive de contar histórias” e não decepciona, muito pelo contrário, toca bem nosso coração com emoções e lembranças de diversas situações que ocorrem em nossa amada cidade.

“Palmas, eu gosto de tu” demonstra o amadurecimento de uma cidade. O filme é composto por seis histórias e cada uma delas é contada sobre a ótica de um diretor. Cada história consegue transmitir um sentimento, mas ousa ir além, cada história acorda um sentimento, pois são nossas histórias, em nossa cidade, contada por nossa gente.

Se está achando que vai encontrar uma produção “caseira” está muito enganado. A SuperOito e o elenco do filme nos elevaram a um outro nível, acredite estamos falando de profissionais, desde a direção até a figuração o filme é impecável, a trilha sonora é extasiante e as histórias, que histórias!, a única coisa ruim do filme é que são só 95 min., porque acredite quando estamos assistindo só desejamos que nunca acabe.

Gostaríamos de parabenizar toda a equipe, principalmente os roteiristas que conseguiram descrever Palmas em suas diversas faces, seja no amor, na diversidade ou na tragédia. Uma recomendação é ao final do filme levantar-se e bater muitas palmas, porque afinal de contas Palmas gostamos de tu.

Trailer do filme

Tema do filme

Clique aqui para baixar a música